segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Deixa que digam

As críticas não construtivas vêm de pessoas que procuram defeitos para parecerem melhor que os outros, porque de fato somos mesmo assim cheios de defeitos. Ciumentos, dengosos, preguiçosos, dramáticos, chorão, um pouquinho acima do peso, magra demais, dente torto, dente grande demais, ou pequeno demais, testa grande, verrugas, falador, quieto demais, sonso, pra frente, com algumas espinhas, grande demais, pequena demais, metida, enfim, impossível de agradar.  
Hoje em dia manter vínculos  não é tão fácil quanto parece, saber respeitar os limites do outro, saber agradar, fazer bem ao próximo. Tomar cuidado com o que fala e com o que deixa de falar.
A verdade mesmo é que nos dias de hoje, não vivemos pra nós e sim pros outros, o que eu acho uma tremenda gafe. 
Eu prefiro a política do "deixa que digam, que pensem, que falem, deixa isso pra lá". Defeitos a gente tem mesmo, e quem não tem !? 
Mas não é porque temos defeitos que somos obrigados a ouvi-los, mas bem que eu gosto de quem gosta de mim e atura os meus. 



2 comentários:

  1. Falando em crítica mas essa é verdadeiramente construtiva (rs), o certo é GAFE e não GARFE!!

    ResponderExcluir